Home > Música Erudita, Músicas e Músicos > Franz Liszt – Liebesträume

Franz Liszt – Liebesträume

March 21st, 2012

Liebesträume (do alemão, “Sonhos de Amor“) é um compêndio de três peças para piano, do compositor romântico Franz Liszt, publicado em 1850. A princípio, as três Liebesträume foram concebidas a partir de poemas de Ludwig Uhland e Ferdinand Freiligrath. Em 1850, duas versões apareceram simultaneamente como um conjunto de canções para voz alta e piano, e como transcrições para piano a duas mãos.

Os dois poemas de Uhland e o de Freiligrath descrevem três diferentes formas de Amor. O Hohe Liebe (”Amor Exaltado”) é um amor santo, ou religioso: o “mártir” renuncia o amor mundano e “o céu abre seus portões”. A segunda canção evoca um amor erótico: em ”Gestorben war ich” (do alemão,”morto estava eu”), morto é uma metáfora pela qual Uhland se refere ao que se conhece como “la petite mort” (“Eu estava morto da felicidade do amor; eu estava enterrado em seus braços;eu fui acordado por seus beijos; eu vi o céu em seus olhos”). O poema de Freiligrath para o terceiro famoso “notturno” fala de um amor incondicional e maduro: “Ame enquanto puder! A hora virá quando estiver junto ao túmulo e aos prantos” (“O lieb, so Lang Du lieben kannst”).

Liebestraum n.º 3

Liebestraum (no singular, “Sonho de Amor”) é a última das três peças escritas por Liszt e pode ser dividida em três seções, cada uma definida por uma cadenza veloz que requere destreza ao dedilhar e alta proficiência em habilidade técnica.

A mesma melodia é usada durante toda a peça, variada em cada vez, especialmente ao meio da obra onde o clímax é alcançado.

Ao final, a peça desfecha em uma seção final de acordes e possui um acorde quebrado para uma finalização geralmente executada lentamente, como se fossem notas individuais ao invés de agrupadas.

Liebesträume n.º 3 faz parte do repertório de aclamados pianistas como Lang Lang, Richard Clayderman, Evgeny Kissin, e Valentina Igoshina, entre outros. (Wikipedia)

National Philharmonic Orchestra

Khatia Buniatishvili
http://www.youtube.com/watch?v=fljS6YG9V9k&feature=related

Seeli Toivio (Cello) and Kalle Toivio (Piano)

Richard Clayderman

Andrea Bocelli

Letra de Sogno D’amore (Andrea Bocelli)

Vorrei ancora un attimo soltanto
per il sogno mio d’amor,
Ed io saprei rapirti con il canto
dolcissimo del mio cuor.
Ma tu non senti questo mio grido
e forse non ricordi
quando mi stringevi
e fra i baci mi sussurravi:
“Io no potrò dimenticarlo mai!”

Amore mio, sapessi com’è amaro!
Qui tutto mi parla ancora di te,
Io piango e rido e grido e parlo
e tremo, e spero, per non morir!
Ma intanto brucia l’anima
vibrante nello spasimo,
vibrante nello spasimo,
e tutto s’accende un sogno d’amor:
carezze, baci, estasi
che non rivivrò.

O bocca amata, o mani che adorai,
mai più potrò amar così!
O voce cara, o cuor che a me si aprì,
perchè, perchè l’amor fini?
Amor, amor, amor!

Comments are closed.